O conflito

[contact-form-7 404 "Not Found"]

O conflito


20 de março de 2019

Uma flor no vaso está morta
ou morre aos poucos, vegetando
no vaso UTI, respirando por aparelhos?

Eu lhe digo: “Eu sou o cuitelinho que chora pela flor.”

Uma flor no vaso está morta?
Sua haste cortada rente ao caule
Suga a água como numa transfusão.

Eu lhe digo: “Eu sou a abelha que amava aquela flor.”

E essa gastura de saber que a vida
não vale muito mais do que uma haste cortada –
pelo menos para milhões de pessoas
que, como a flor,
não sabem que já estão mortas.

Eu lhe digo: “Eu sei; eu vivo!”

Deixe um comentário