Já vi pinguim, já vi cometa

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Já vi pinguim, já vi cometa


22 de março de 2019

Já vi pinguim,
já vi cometa, já vi tristeza.
Acho que já vi assombração e,
quando criança, eu tinha a beleza
que têm todas as crianças
de não gostar de cemitérios
e seus túmulos desalinhados,
mesmo quando limpos e pintados
para o dois de novembro.

Grosso modo, repenso o tempo:

Passam os segundos,
passam os minutos e as horas,
mas não há eternidade
para quem sabe contar esses passares.

Sei que a velhice é privilégio seguro
só para as pedras e areias;
e sei que a brevidade, como predicado,
é regalia dada à silhueta das nuvens
e a toda a vida que houver.

Dói repensar o mundo todo o tempo,
dói repensar o tempo todo do mundo.

Enquanto repenso, tudo muda; e
o galo tece uma nova manhã!

Deixe um comentário